Ataques contra os cristãos continuam em Moçambique

As violências naquela parcela do país iniciaram em final de 2017 e já fez cerca de 350 mortos

Foto simbólica

por redação Mundo e Missão


Continuam os ataques contra os cristãos em Moçambique. Durante a Semana Santa, homens armados, entre vários lugares tomados de assalto, atacaram a missão católica de Nangololo, onde se encontra uma das mais antigas paróquias da província de Cabo Delgado, a norte de Moçambique.

“Os insurgentes fortemente armados invadiram o recinto daquela missão, entraram no interior da igreja e atearam fogo, tendo esta ficado literalmente destruída, excepto a parte do teto que nao foi atingido devido à sua altura elevada”, relata Vatican News

Os insurgentes não atacaram outras infraestruturas como escolas e residências dos missionários. Como conta ao Vatican News o Bispo de Pemba, Dom Luís Fernando Lisboa, as violências naquela parcela do país iniciaram em final de 2017 e já fez cerca de 350 mortos. “Temos sofrido há três anos sem saber porque estamos sendo atacados. Há três anos tudo mudou em nossa vida. Choramos de dor e de tristeza. Vivemos fugindo sem saber para onde”, relatou o Bispo.

A ligacão entre Moçambique e Brasil é forte. Por isso o Presidente do Regional Sul 1 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), Dom Pedro Luiz Stringhini e Bispo de Mogi das Cruzes, manifestou sua solidariedade com as vítimas afetadas pelos ataques na região norte de Moçambique e afirmou sua profunda solidariedade e comunhão com a Diocese de Pemba e seu sofrido povo. O episcopado paulista mantém uma missão na Diocese de Pemba. Ao todo, 12 brasileiros entre padres, religiosos(as) e leigos(as) participam do projeto batizado “Missão África-Pemba” nas aldeias de Nangade, Mazeze e Metoro.

Inscreva-se e receba a newsletter

seu apoio vale muito, assine a revista Mundo e Missão

Adicionar Comentário

Seu endereço de e-mail está seguro conosco. Campos obrigatórios são marcados com *

Telefone: (11) 5549-7295
Fax: (11) 5549-7257
Rua Gregório Serrão 177
04015-011 Vila Mariana, São Paulo - SP