Caritas Internacional afirma que a pandemia piorou a situação dos mais vulneráveis

Caritas Internacional e Coatnet lançaram o alarme: refugiados, imigrantes, trabalhadores informais são as pessoas mais afetadas pela pandemia da Covid-19 e as autoridades tem que colocar em prática medidas urgentes para ajudar os mais necessitados

foto: pixabay

por redação Mundo e Missão


Refugiados, imigrantes, trabalhadores informais: são essas as pessoas mais afetadas pela pandemia da Covid-19 e pelas medidas de isolamento social. Pessoas vulneráveis que as autoridades tem que ajudar, colocando em prática medidas urgentes para ajudar os mais necessitados. É o sentido do apelo que foi lançado pela Caritas Internacional e a Coatnet, a rede de 46 organizações cristãs que lutam contra qualquer exploração de seres humanos.


E você sabe o que está fazendo o Pime durante a pandemia? Em quatro continentes, os missionários estão distribuindo auxílios aos que mais precisam de enfrentar a epidemia


“Neste momento de difusão vírus, denunciamos a preocupante realidade das pessoas mais em risco de serem vítimas do tráfico. O fato de nossa atenção estar focada na pandemia não deve nos impedir de cuidar dos mais vulneráveis, como fazem em todo o mundo as Caritas locais e as organizações da rede Coatnet”, disse o secretário geral da Caritas Internacional, Aloysius John, salientando (como relata o jornal O São Paulo) a importância de não se negligenciar o cuidado com os mais pobres, sem descurar do foco no combate à pandemia. Aloysius John lembrou também que o acompanhamento aos mais necessitados deve ser integral, segundo o secretário geral, incluindo “apoio material, sanitário, legal e psicológico”.

Inscreva-se e receba a newsletter

seu apoio vale muito, assine a revista Mundo e Missão

Adicionar Comentário

Seu endereço de e-mail está seguro conosco. Campos obrigatórios são marcados com *

Telefone: (11) 5549-7295
Fax: (11) 5549-7257
Rua Gregório Serrão 177
04015-011 Vila Mariana, São Paulo - SP