Padre Estêvão, é enviado ao Myanmar em missa na catedral de Caratinga

No domingo, 16 de fevereiro de 2020, às 18 horas na Catedral São João Batista de Caratinga aconteceu a Solene Missa com rito de envio do Pe. José Estêvão Magro, PIME (Pontifício Instituto para as Missões Estrangeiras), para missão no Myanmar no sudeste asiático.

por Redação Mundo e Missão

O missionário que deixa as terras brasileiras para nova missão é filho de nossa diocese, sendo natural da paróquia São Sebastião de Espera Feliz, na forania de Carangola. Um grupo de leigos da paróquia de origem do enviado estiveram presentes nesse momento especial. Como preparação para esse momento especial, Pe. José Estêvão celebrou algumas missas na Catedral no domingo anterior. E durante a semana, Pe. Paulo fez alguns atendimentos e presidiu a Eucaristia, deixando um testemunho missionário no Seminário Diocesano, onde esteve no dia 12.

A escolha da Catedral, sede da diocese, como local de envio, significa que por essa missão ele se torna ponte entre Caratinga e o outro lado do mundo, expressão do caráter missionário de nossa Igreja Particular. A Santa Missa foi presidida por Dom Emanuel Messias de Oliveira, bispo diocesano de Caratinga e concelebrada por alguns padres missionários do PIME: Pe. Pedro Facci (Superior do PIME no Brasil), Pe. Jaime Coimbra do Nascimento (Missionário em terras amazonenses), Pe. Paulo Amorim (Missionário no México), Pe. Gabriel Than Wing Aung  (birmanês em missão no Brasil), além do Pe. José Estêvão, que fora enviado. De nossa diocese de Caratinga participaram: Pe. Moacir Ramos Nogueira (Pároco da Catedral São João Batista), Pe. Agrimaldo José Teixeira (Vigário Paroquial da Catedral São João Batista) e Pe. Antônio Carlos Fernandes, SDN (Vigário Paroquial da Paróquia São Sebastião de Espera Feliz). Também acompanhou a celebração o seminarista Higor Luís Arantes Nepomuceno que realiza seu estágio pré-diaconal na Catedral, bem como um grupo de seminaristas do COMISE – Conselho Missionário de Seminaristas do Seminário Diocesano Nossa Senhora do Rosário de Caratinga.

No momento inicial da homilia, a pedido do bispo, Pe. Pedro proferiu algumas palavras explicando ao povo sobre a caminhada do PIME, suas atividades e carisma, bem como sua atuação no mundo. O superior lembrou a espiritualidade do rito de envio, quando o missionário recebe a cruz com as seguintes palavras: “Eis o companheiro indivisível das tuas fadigas apostólicas; o teu sustento nos perigos e nas dificuldades; o teu conforto na vida e na morte.”

Também o Pe. Gabriel deixou um pequeno testemunho vocacional, manifestando sua alegria com o momento. Ele que é natural do Mianmar e trabalha no Brasil, e Pe. José Estêvão que é brasileiro e parte para o Mianmar, a dinâmica missionária da Igreja.

Foto: PASCOM Diocese de Caratinga

Após a homilia foi feito o rito de envio, sendo conduzido pelo bispo diocesano de Caratinga e acompanhado pelos presentes. Dom Emanuel abençoou o missionário, bem como a cruz (recitando a oração supracitada) e impondo-a sobre o enviado, e logo após Pe. José Estêvão fez a declaração de um missionário que se dedica a Deus para a conversão dos infiéis, composta pelo Pe. Mazzucconi em ocasião da primeira partida dos missionários do PIME para a Oceania.

Ao fim da celebração, Pe. Gabriel rezou a oração do pai nosso em birmanês, e Irmã Vivian rezou a Ave Maria em cantonês, ela que é chinesa.

Pe. José Estêvão agradeceu a presença de todos e pediu orações pela realização de sua nova missão.

Fonte: PASCOM Diocese de Caratinga

Inscreva-se e receba a newsletter

Adicionar Comentário

Seu endereço de e-mail está seguro conosco. Campos obrigatórios são marcados com *

Telefone: (11) 5549-7295
Fax: (11) 5549-7257
Rua Gregório Serrão 177
04015-011 Vila Mariana, São Paulo - SP